JOANA CORTADA (Copy)

A Vereadora Irmã Joana fez indicação visando parceira com a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, para implantação do Projeto Guri no Município de Itapura.

“Com a implantação deste projeto no município teríamos atividades variadas para Crianças e Adolescente, principalmente no período em que se encontram fora da Escola.”, Declarou a Vereadora Irmã Joana.

O Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos.

Além da Indicação do Projeto Guri a Vereadora Irmã joana também fez indicação com o objetivo de Criação de uma Banda Marcial ou Fanfarra em Parceria com a Escola Estadual Paulo Grassi Bonilha que possui vários instrumentos que poderiam ser utilizados com esse objetivo, ficando a cargo da Prefeitura arcar apenas com a contratação de um instrutor/Regente.

A Vereadora vem se destacando em seu mandato com varias indicações atendidas em áreas como Saúde e Infraestrutura, dentre outras.

Saiba mais sobre o Projeto Guri :

Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos.

Mais de 49 mil alunos são atendidos por ano, em quase 400 polos de ensino, distribuídos por todo o Estado de São Paulo. Os quase 340 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social.

A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu cerca de 650 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.